Notícias
aqui você encontra tudo sobre novidades e tendências sobre esquadrias de PVC

Como escolher a esquadria ideal para minha casa?

compartilhe:

As esquadrias estão presentes na sua rotina – todos os dias, você abre e fecha uma janela ou uma porta – mas, talvez, você só tenha notado isso na hora de construir ou reformar sua casa. As esquadrias são os elementos de fechamento dos vãos que compõem uma casa, sendo elas as janelas, persianas, portas e venezianas, por exemplo.

Em muitos casos, as esquadrias possuem valores elevados, por isso, é importante pesquisar e escolher o material ideal para o seu projeto. A decisão deve ser bem avaliada, levando em conta não somente a estética, mas o conforto, a segurança, a funcionalidade e a qualidade do produto.

Tipos de esquadrias

Antes de optar por um material é preciso conhecer as vantagens e desvantagens de cada um. Trata-se de um passo muito importante, não somente pelo acabamento estético dos ambientes, mas por funcionalidade e desempenho do material.

 

1 – PVC

As esquadrias de PVC vêm ganhando cada vez mais espaço no mercado, pois são produtos com boa duração nos mais diversos ambientes. Além disso, são fáceis para limpar e decoram muito bem. Os materiais são feitos sob medida, resistentes e não exigem manutenção recorrente ou pintura (já podem ser compradas na cor desejada). Mesmo quando feitas para locais de grandes dimensões, são leves e fáceis de manusear. Outra vantagem deste material é que pode ser utilizado em diversas formas de abertura, possibilitando atender a qualquer tipo de projeto.

Na Squadra, as esquadrias em PVC possuem garantia contra chuva e vento, apresentam maior resistência a impactos e arrombamentos, oferecem proteção acústica, isolamento térmico, além de serem fabricadas com materiais que agridem menos o meio ambiente.

 

2 – Madeira

O uso da madeira sempre dá um ar rústico ao ambiente e, apesar de ser um material resistente e de alta durabilidade, exige manutenção constante, pois pode empenar. As esquadrias em madeira permitem diversos tipos de abertura para portas, janelas e venezianas, sempre com bastante conforto térmico e acústico.

No entanto, as madeiras mais adequadas para este uso estão cada vez mais escassas e têm origem no desmatamento. Daí o motivo de muitos projetos terem abandonado o seu uso.

 

3 – Alumínio

Podem ser feitas sob medida e exigem pouca manutenção. As esquadrias em alumínio são resistentes à corrosão e não deformam. Sua desvantagem é apresentar baixo isolamento térmico e acústico. Para resolver o problema, podem ser adquiridos modelos com perfis maiores e vidro duplo, o que aumenta bastante o custo do material.

Esteticamente não estão entre os modelos que mais valorizam os projetos arquitetônicos, mas podem ser adaptados às diversas necessidades de uma construção.

 

4 – Vidro

As esquadrias em vidro temperado e blindex utilizam também pequenos perfis de alumínio nas ferragens. Estes modelos facilitam a visualização do exterior da construção, integrando ambientes como salas. No entanto, não são ideais para quartos ou banheiros. As esquadrias em vidro possuem algumas limitações de formato e tamanho, além de oferecerem menos segurança contra arrombamentos. Em alguns casos, também podem ser pesadas para abrir e fechar, o que não é recomendável para todos os tipos de portas e janelas.

 

5 – Ferro

O uso do ferro para esquadrias já foi bem mais utilizado em décadas passadas no Brasil. Hoje em dia, não é tão comum em todos os tipos de construção. No entanto, este material permite os mais diversos tipos de projeto, quando encontrado um bom profissional que o faça e consiga realizar a manutenção constante devido à oxidação das peças. Sua vantagem é o baixo custo em relação aos demais materiais.

 

Como escolher o melhor material?

O melhor material é aquele que atenda às suas necessidades quanto à estética, funcionalidade, segurança, isolamento acústico, térmico, iluminação natural e custo. Tudo isso ajudará a definir qual o melhor tipo de material. Por isso, o primeiro passo é conhecer bem o ambiente em que será realizada a construção da sua casa.

 

Veja algumas opções:

Projeto clean e moderno – nestes casos, o PVC, o vidro e o alumínio são os mais indicados. O PVC decora muito bem, pode ser feito sob medida e tem longa duração (alta resistência), com baixa manutenção. Você pode escolher a cor e o tipo de abertura (abrir, correr, basculante, maxim-ar, guilhotina) que desejar para deixar o ambiente com a sua cara. São leves e fáceis de manusear.

As esquadrias em alumínio podem ser compradas prontas ou serem feitas sob medida. Assim como o PVC, exigem pouca manutenção, são resistentes à corrosão e não deformam. Uma desvantagem é o baixo isolamento térmico e acústico.

Projeto rústico – madeira é o mais comum. No entanto, pode ser um material difícil de manter. É resistente, mas que exige manutenção constante contra chuva e sol. Seu forte é o isolamento térmico, ideal para regiões de muito frio. As esquadrias em madeira permitem diversos tipos de abertura para portas, janelas e venezianas, sempre com bastante conforto térmico e acústico. O maior problema deste material é o empenamento, causado por raios solares e a umidade. Assim, porque não substituir pelo PVC, que pode ser pintado e garantir o estilo arquitetônico desejado?

 

Onde encontrar?

Antes de comprar, pesquise sobre a qualificação do fornecedor e projetos já realizados anteriormente. Na Squadra, a fabricação de esquadrias de PVC segue as normas de desempenho para janelas, com a produção de perfis mais robustos e que possuem reforço de aço em seu interior. Também têm ótimo desempenho no quesito segurança nos acessórios de travamento e fechamento das janelas.

Conheça as melhores opções de portas e janelas em pvc para a sua casa: https://www.squadrapvc.com.br/

Quer saber mais sobre esquadrias?
© Squadra PVC 2019 - Todos os direitos reservados